A natureza proporcionou a cada um de nós uma característica única, diferenciando-nos dos demais por alguma qualidade inerente em relação as nossas características orgânicas, como ao meio social e econômico em que nascemos.

Assim, transmitir a identidade de uma organização por sua visão, por seus valores ou por sua missão, seja ela um grupo, uma empresa, um partido político,uma religião, ou um time, fazendo refletir seus produtos e serviços diante do meio em que atuam, é marcar e se tornar reconhecível. Em geral existem três tipos de logotipos:

  1. um símbolo em conjunto com uma tipografia formam um logotipo;
  2. quando a própria tipografia é um símbolo;
  3. o logotipo é simplesmente formado por um símbolo.

Entendendo a função dos Logotipos

Um logotipo não necessariamente precisa significar algo, sua real função é marcar, se fazer existir, ser reconhecível. Uma situação de um case de sucesso por exemplo, seria se você visse um ponto preto num cartaz, e este ser automaticamente associado a alguma produto ou empresa. Chegar a este ponto de simplicidade e nível de associação seria maravilhoso.

Apesar disto o logotipo tem o dever de transmitir a personalidade, a idoneidade e os valores através da tipografia, da cor e da forma empregada pelo estudo da semiótica.